As origens conhecidas da família van Zeller remontam ao século XIII, às 
cidades flamengas de Mechelen e Nijmegen, onde detinham algumas 
propriedades, nomeadamente na aldeia de Zellaer. No século XVII, no 
rescaldo das guerras religiosas que assolaram o Norte e o Centro da 
Europa, os van Zelleres emigraram para Espanha e Portugal, países onde 
se vieram a radicar.

A sua ligação ao negócio dos vinhos data do início do século XVII, 
conforme os Livros da Imposição (1620-1640) que referem os comerciantes 
Jorge Fernandes e o seu genro Francisco da Silva Moura, antepassados do 
ramo português da família, como dos maiores comerciantes de vinhos 
registados na época. Estes antepassados da família van Zeller são os 
primeiros de que há conhecimento de uma série ininterrupta de 14 
gerações consecutivas que se dedicaram, e dedicam ainda, ao comércio de 
vinhos do Douro e de Vinhos do Porto, facto sem precedentes em qualquer 
outra “dinastia” de famílias portuguesas envolvidas no negócio de vinhos.

 

A denominação social da empresa recupera um título nobiliárquico 
concedido por D. Maria II de Portugal a Cristiano Nicolau Kopke, o 1º 
Barão de Vilar, em 1836, que, por descendência, se encontra na posse 
direta da família.

Atualmente, a Barão de Vilar – Vinhos, S.A., alicerçada na experiência e 
conhecimento acumulado ao longo de 14 gerações, é uma empresa moderna 
com uma sólida estrutura dotada da mais avançada tecnologia com uma gama 
completa de Vinhos do Porto e de vinhos do Douro.

 

Vinhos Barão de Vilar

Tinto | 2015
7,90 
Generoso |
40,00 
Generoso | 2011
39,90 
Branco |
30,00 
Generoso | 1990
37,50 
Generoso |
28,00 
Generoso | 2007
19,90 
Vinho do mês
Tinto | 2015
8,75 
Generoso | 2007
19,90 
Generoso |
12,30